Contador de Visitas

Seguidores

sábado, 12 de maio de 2012


MÃE
Você é a mais doce e pura criatura!
A dedicada esposa, mulher e protetora!
Você! Que me deu a LUZ! Guiou meus passos! Mostrou-me o caminho! Me permitiu viver e sonhar. Quem me amparou e me ensinou a Vida olhar!

MÃE
É seu, o mérito do sucesso que se diz meu!
Pois, você soube transmitir com seu amor, determinação e tenacidade, exemplo e fé!
Sem buscar sequer descanso, com alegria, graças e louvor!
Mostrou-me a garra de lutar e a grande vontade de vencer!

MÂE
Você chorou por mim e enxugou minha lágrima!
Deu-me seus braços e seu regaço para recuperar minhas forças!
Cuidou de minhas feridas e disse-me: Filho agora vai, estás forte de novo! Coragem!

MÃE
Você plantou em mim a harmonia e a paz.
Soube ensinar-me a ser alguém antes de ter.
Você mostrou sempre como amar e a perdoar! A olhar o próximo como a mim mesmo! A ter DEUS no coração! A estender a mão, sem olhar a quem!

MÃE
Você... Ensinou-me a respeitar e ser respeitada!
Você... Ensinou-me a ter honra e ser honrada!
Enfim... Mãe, você ensinou-me a viver! És meu anjo da guarda! DEUS te guarde!
Muito obrigado! Jamais a esquecerei!

(Texto aprimorado, recuperado e reescrito por Ricardo Martins)


2 comentários:

*Simone Poesias* disse...

Lindo seu poema em homenagem ao dia das Mães. Parabéns!
Um grande abraço XD

Fabiana Ratis disse...

Com propriedade, disse tudo o que um filho reconhecido diria a uma mãe. Encontrei-me em suas palavras, sabendo que sendo suas, refletiram a verdade de minha trajetória com a minha mãe q/ também me ensinou "a ser antes de ter". Maravilhosa, Ricardo!