Contador de Visitas

Seguidores

quarta-feira, 7 de março de 2012


“Essas Mulheres Maravilhosas”
Ricardo Martins (Republicação!)

Diante de um trabalho a fazer, um “Caderno Especial” para o Jornal “Notícias do Dia”, da RIC Record, de SC, sobre o “Dia da Mulher”, em homenagem ao dia 08 de março, isso há dois anos e pensando no editorial, comecei a procurar pesquisar, informações, textos, enfim, sobre este intrincado e agradável, complicado, estimulador, arrebatador e especialíssimo tema.

Para muitos, tarefa das mais fáceis, para outros nem tanto, para os mestres pensadores, certamente “moleza”, para um simples mortal, dureza.

E assim procedi, fui de Vinicius a Chaplin, Vitor Hugo a Quintana, Caetano, Roberto Carlos, Shakespeare e a Carlos Drumonnd de Andrade, evidentemente consultei também o Mestre Fernando Pessoa, todos “experts”, craques, quando o assunto é MULHER!!

Percebi que estes artistas íntimos das palavras, mestres na harmonia de letras e versos, retrataram as mulheres de várias formas e maneiras, porém, evidentemente, sob suas óticas e sentimentos.

Alguns usaram comparações, entre, por exemplo, homem x mulher, enfim, falaram da Vida, o momento, a razão e a emoção e isso determinava a poesia, o texto ou pensamento.

Eu queria um pouco mais e resolvi me atrever a escrever sobre o que me dizem e transmitem estas criaturas maravilhosas, complicadas, especiais, determinadas, guerreiras, habilidosas, criativas, dedicadas, sensíveis, incorruptíveis, exigentes, maternais, insuperáveis, intensas, amantes, amigas, parceiras, companheiras, mães, esposas, doces, suaves, rigorosas, disciplinadoras, lindas, liberais, intransigentes, generosas, equilibradas, lúcidas, racionais, emocionais, contundentes, leais, delicadas, rígidas, severas, angelicais, inseguras, ansiosas, inquietas, apreensivas, preocupadas, humanas, solidárias, amorosas, carinhosas, empreendedoras, líderes, cuidadosas, organizadas, personalíssimas, detalhistas, críticas, observadoras, recriminadoras, reprimidas, liberadas, aglutinadoras, acolhedoras, afáveis, elegantes, refinadas, simples, trabalhadoras únicas, todas excepcionais, especiais, exclusivas e maravilhosamente femininas.

Puxa! Será que consegui? O certo é que tentei falar das e para as MULHERES que na real dão movimento, cor, luz e emoção à Vida.

E por conseqüência acho que consegui deixar um recadinho para as feministas, aquelas que durante anos, no afã de estimular as mulheres, tentaram que estas renegassem e ignorassem os homens, excluindo-os de suas Vidas e felizmente não conseguiram porque é perfeitamente possível aliar feminilidade, sensibilidade e sensualidade à inteligência, criatividade, competência e dedicação em busca de personalidade atitude e postura diante de todos e da própria Vida, e as mulheres assim o provaram.

Concluindo que parafrasear um amigo mineirinho que diz, com sabedoria: “Na minha terra 50% é homem e 50% é mulher e nos entendemos bem demais.”

Portanto, esta é minha singela homenagem para elas, as mulheres, seres certamente muito especiais!

Sou grato a todas elas, pois o pouco que aprendi nesta Vida mágica, sobre tudo e sobre todos, e também sobre elas, foi com estas mulheres maravilhosas!


6 comentários:

Marisa Cruz disse...

CARO RICARDO

AGRADEÇO ESTE PERFEITO TEXTO EM HOMENAGEM A NÓS, MULHERES DOS SORRISOS E DAS LÁGRIMAS, DA CANDURA E DA RIGIDEZ, DA SOLIDARIEDADE QUE BROTA EM CADA PORO E DO AMOR QUE ETERNIZA EM CADA OLHAR.

Marisa Cruz

Anônimo disse...

Ricardo, obrigada pelo texto, que vem corroborar o fato de eu adorar ser mulher. Bjs, Bluesette

ELAINE disse...

Olá Ricardo! Belo texto! Belas palavras! Como mulher, agradeço a homenagem e já aproveito para desejar Feliz Dia Internacional da Mulher para todas as leitoras da tua coluna, extendendo-se às mulhers especiais que fazem parte de tua vida e de tua família! Grande abraço!! Aparece também, para conferir a postagem especial do dia 08 de março! Muito obrigada! Elaine Averbuch Neves
http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com/

Ivana Maria disse...

Obrigada pela homenagem, amigo. Somos mesmo tudo isso que descreveu e coisas mais que a linguagem humana, limitada que é, ainda não consegue descrever. rsrsrs ...mas muitas atitudes são capazes de demonstrar a compreensão sobre os valores que tem esse ser gerador de vidas,cuidador de gente e disseminador de paz, luz e prazer, chamado mulher. A sua homenagem é uma dessas. (pouco modesta,eu, hein? rsrsrs) bjs

JO•♥• disse...

Querido!

Estupendamente belo! Mais belo ainda é saber que temos, na visão de alguns (quiçá a maioria) homens esse reconhecimento e respeito! Sinto-me homenageada na ALMA. Obrigada

Leila disse...

Obrigada Ricardo.
Somos frágeis mas sabemos semear amor em cada minuto., e demonstrar que apesar de tantas indiferenças só o amor constrói .